Dias & Dias - Ana Miranda

1
Autor:  Ana Miranda
Editora: Companhia das Letras
ISBN: 9788535902853
Páginas: 240
Sinopse: Estamos diante de um livro que não se consegue parar de ler´, escreve José Mindlin na orelha deste novo romance de Ana Miranda. A história reúne três personagens centrais: Feliciana - uma jovem sonhadora e obstinada -, o poeta romântico Antonio Gonçalves Dias, por quem ela nutre uma longa e intensa paixão, e o sabiá - não um sabiá específico, mas a espécie inteira, que na ´Canção do Exílio´ simboliza a pátria distante.
A narrativa de Ana Miranda combina história e ficção para contar uma história sobre o amor, os costumes provincianos no interior do Brasil durante o século XIX, a descoberta da cultura indígena, a beleza da poesia e os mistérios da sensibilidade.
No romance, Feliciana toma conhecimento da vida íntima de Gonçalves Dias por meio das cartas enviadas pelo poeta a seu grande amigo Alexandre Teófilo de Carvalho Leal. Mostradas a Feliciana por Maria Luíza, esposa de Teófilo, as cartas registram muitas das questões existenciais do poeta. Feliciana descreve de forma emocionante a paixão que as cartas alimentam, e seu relato revela refinamentos da alma feminina. A trama tecida pela autora faz com que o leitor se identifique com Feliciana, uma mulher que desvenda o que sente por meio da escrita e da memória. Com uma narrativa clara e simples, reproduzindo a linguagem do romantismo, a autora recorda mais uma ves a vida de um de nossos poetas, levando o leitor a uma viagem de encantamento lingüístico e conhecimento histórico. Quando peguei o livro, pensei que seria aqueles romances históricos, mas não foi.









































Comecei a ler o livro e achei ele bem interessante. Principalmente por causa de Feliciana que tem uma paixão enorme por Antônio.

Quase a vida inteira dela, ela foi apaixonada por ele mas, ele não ligava a minima pra ela. O pai dele morre e com isso, ele resolve viajar para prestar cursos e estudar, pois ele é um ótimo poeta. Quando mais longe Antônio vai, mais Feliciana sente sua falta. 

Ela tem uma amiga chamada Maria Luíza que é esposa de Alexandre Teófilo que é super amigo de Antônio. Antônio manda várias cartar para Alexandre falando sobre como se sente, sobre seus amores, suas viagens enfim, tudo. Como Maria é amiga de Feliciana, ela acaba mostrando as cartas que Antônio manda para seu esposo.

Achei muito boa a história por si, mas achei que o fim não foi tão surpreendente! Toda história de romance, não sei se vocês também acham isso, mas eu espero que o casal que sempre lutou para ficar junto, fique! Mas nesta história, isto não acontece. Não vou contar pois não quero que esta resenha tenha spoilers.

Mas mesmo assim, adorei a história, o livro por dentro é MUITO LINDO e eu amei!
Recomendo.

                                                   
E eu, confesso que fiquei num leito de rosas, passei a viver num mundo de fantasia, eu me via casada com ele e já cheia de filhos morando no Rio de Janeiro, em Lisboa, em Paris, em Xangrilá.  Pág. 155












                                                            ( Favorito )



Onde Comprar:






Beijos,



1 comentários :

leonardo disse... [Responder comentário]

Gostei da capa parece ser muito interessante pela capa e pela sinopse vou ver se consigo comprar ou emprestar da Biblioteca...

Postar um comentário