Lilac, de Deise C. Müller [Resenha #41]

2

Autora: Deise C. Müller
Série: Lilac
Ano: 2012
Editora: Novo Século (Novos Talentos da Literatura Brasileira)
ISBN: 
9788576796442
Páginas: 392
Sinopse: Lilin, uma succubus ambiciosa, tenta aniquilar Lúcifer. E como punição, é enviada a Terra e destituída de seus poderes. Transformada em feiticeira, Lilin assume vários consortes e começa um plano para reinar sobre os seis clãs dos feiticeiros. Meg cresceu acreditando ter herdado habilidades mágicas de sua tataravó feiticeira. Abandonada ainda bebê pela mãe, seu pai tenta fazer com que ela e sua irmã se interessem pela arte oculta, porém a última coisa que uma adolescente quer é aprender feitiços com sangue de galinha e adagas afiadas. Entretanto, quando Lauren, sua irmã, é assaltada e baleada, e Lucas seus ex-namorado, desaparece misteriosamente Meg se arrepende de não seguir os conselhos do pai. Meg retorna à cidade onde cresceu, para se afastar da dor do passado e da acusação nos olhos do pai. Seu passado, no entanto, não está disposto a deixá-la em paz. Craft, o suspeito inicial no desaparecimento de Lucas, acaba sendo o rei do clã Domovoi, o mais poderoso dos clãs, e sua única esperança de escapar de seu caçador, e da escuridão na qual seu coração se afundou. Mas quando sobreviver pode significar ser um receptáculo ambulante para um demônio que planeja destruir tudo o que você ama, e morrer significa destruir o coração daqueles que te amam, o que fazer? Um demônio banido… Uma linhagem condenada… E uma atração inevitável. O amor realmente supera tudo? Skoob

Resenha 

     Quando a queria autora me envio o livro para análise e resenha, eu já sabia que seria bom pois, como todos os livros que recebo, gosto de ler outras resenhas sobre ele. Várias pessoas falavam e falam bem do livro, que ele é impressionante e eu, estou entre elas.

     O livro começa assim, como se fosse um conto de fadas, o que é naturalmente mas, sabe aqueles contos bem infantis, pois bem, eu já achei que não iria gostar do livro por que não é muito do meu gênero ler contos de fadas ou coisas parecidas mas, aí que a coisa começa a esquentar, ela está no aniversário dela, com sua prima que é tipo, super-louca e é a aí, que a minha querida Meg encontra Craft que, minhas queridas, tenho certeza de que ninguém neste mundo se arrependeria de conhecer ele.

     Enfim, ele é o rei do clã Domovoi, e, os fatos, literalmente, começam a esquentar de um terço do livro em diante pois, o ex-namorado de Meg some, literalmente some do nada, e com isso, Meg começa a descobrir coisas do seu passado que nem ela sabia.

     Mas terminando está resenha, o livro é fantástico  cheio de aventura, discussões, e amor, principalmente. Tenho certeza que você dará muitas risadas neste livro também!

Avaliação



Beijos e, espero que eu possa postar em breve!


2 comentários :

mari disse... [Responder comentário]

eu quero *o*

Enfim Shakespeare disse... [Responder comentário]

Gostei da estória do livro, já li algumas resenhas positivas e aprovei.

http://enfimshakespeare.blogspot.com.br/

Postar um comentário